terça-feira, novembro 25, 2008

Trianon terá evento sobre Segurança do Trabalho

Começa amanhã e segue até a sexta, 28, no Teatro Municipal Trianon, o Iº Simpósio de Segurança e Saúde do Trabalho da Região Norte e Noroeste do RJ, realizado pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

"Palestrantes conceituados abordarão temas importantes sobre Segurança e Saúde do Trabalho, visando estabelecer-se um amplo processo de conscientização para o acontecimento de ambientes de trabalho saudáveis, e da redução do número de Acidentes e Doenças do Trabalho", explica Clóvis Henrique Santarém Pinheiro, integrante a coordenação do evento.

2 comentários:

sou jumentinha disse...

Taí....... goStaria muito de ver Esta peça no SESC, pena que ainda estou aqui em Paraty.

Ano passado, aqui na Usina Eleronuclear , veio uma doutora em Literatura Portuguesa para falar sobre Jorge de Senna.

Trouxe um texto muito intrigante, onde Deus era colocado como alguém bem duro, louco e nada moral. E ela ia relatando a intimidade do autor com a Bíblia, mas era tudo bem jocoso.
Claro, me senti mal e pedi a DEus uma oportunidade para interferir com sabedoria. Todos riam... até que...
Num no final do texto é colocado que "Deus guardou a Árvore do Conhecimento do bem e do mal e era de se esperar que fosse traído".

Então fiz um poema, usando todos o argumentos e terminei dizendo mais ou menos assim: A árvore que foi guardada não foi a do conhecimento e sim a da "Vida" e não era de se esperar que o Jorge Senna fosse traído.

A Doutora me disse, um pouco desapontada: "nesta hora, o Jorge Senna está virando no túmulo..."

E NINGUÉM RIU.
Sou bem categórica. Não brinco com Deus.

sou jumentinha disse...

OLha um dos trechos do livro de Sclair:

Trecho: "Bastava-me o ato de escrever. Colocar no pergaminho letra após letra, palavra após palavra, era algo que me deliciava. Não era só um texto que eu estava produzindo; era beleza, a beleza que resulta da ordem, da harmonia. Eu descobria que uma letra atrai outra, essa afinidade organizando não apenas o texto como a vida, o universo. O que eu via, no pergaminho, quando terminava o trabalho, era um mapa, como os mapas celestes que indicavam a posição das estrelas e planetas, posição essa que não resulta do acaso, mas da composição de misteriosas forças, as mesmas que, em escala menor, guiavam minha mão quando ela deixava seus sinais sobre o pergaminho."(p.41)


Que misteriosas forças sãos essas??? Para quem não sabe as mesmas que fizeram com este livro dele fosse o último... e não foi culpa do Misericordioso Deus, garanto.

Mas paro aqui, porque DEus nao se debate, Ama-se. Religião sim, podemos dizer e "disdizer", mas Deus é Precioso e a Biblia é a Palavra Linda dEle.

users online