segunda-feira, março 16, 2009

Comentando os comentários

"Custo a acreditar. Será mesmo que só há jumentos acessando blogues na internet? Onde está a vida inteligente? Aquela que busca referências diversas para buscar informações. Que prima pela diversidade de idéias e opiniões. Só há, aqui, bibliomaníacos! Será possível?Acho que o urgente! está passando pela pior fase dos comentários pobres (pelo menos desde que comecei a acompanhar). espero que não dure muito..."

Reproduzi acima comentário do blogueiro Yuri Amaral, que foi colocado em post abaixo, justamente para destacar o problema que ele levanta e que também tem me incomodado.

Diferentemente do que já foi sugerido, no entanto, não cabe nenhuma censura às "jumentinhas" e "patetas" da vida - no caso específico destes dois apelidos, trata-se da mesma profícua e obstinada criatura. Ela tem o direito de dizer o que diz, a quantidade de vezes que quiser, e nós temos o direito de achar um saco.

Como essas coisas são malucas, não demora muito e essa criatura vai virar cult, uma espécie de Profeta Gentileza do mundo religioso. Aguardem só (rs).

O único antídoto que conheço para isso é mais participação dos demais comentadores, trazendo temas pertinentes e ignorando essa espécie de política de spam dos inconvenientes.

13 comentários:

Uma das Patetas do Brasil disse...

Que nada, Vitor... olha o antídoto aqui:

Uma das Patetas do Brasil disse...

Que se levantem no Brasil mais inconvenientes...

Sabe que eu também penso isso...
Por que as pessoas não trazem temas pertinentes em vez de serem tão impertinentes...

Rafael disse...

Tenho evitado de comentar nesse blog ultimamente. Até acompanho os posts e tal mas, sinceramente, perdeu a graça. É sempre a mesma coisa.
Será culpa dos blogueiros, que perderam um pouco o foco? Estará o problema nos comentadores, que não possuem cérebro, ou, se possuem, não usam? Não sei.
O que sei é que esse tipo de mídia retrata claramente a comunidade em que vivemos hoje, onde o que vale é o individualismo. Muitas vezes a qualidade das informações é menosprezada em função da dinamicidade do veículo, a quantidade vencendo a qualidade. Às vezes os "comentadores" têm preguiça de comentar "textos bíblicos" ou genéricos paraguaios(ou seriam campistas), e simplesmente vão para outro blog, ou link...ou...ou...ou...
Posso afirmar que me incluo no segundo caso. "Uma das patetas do Brasil", me desculpe, mas seus comentários são realmente chatos. Você pode dizê-los, claro, mas nós podemos achar chato, como disse o caro professor Menezes.
Fica aqui minha opinião e uma sugestão, talvez valha a pena rever certos conceitos.

Um abraço a todos

Rafael Bretas

Uma das Patetas do Brasil disse...

Obrigada Rafael. Perdoa . Eu não sabia que era tão chata assim. Pensava que estava falando algo legal... que são frutos de minhas leituras.
Desculpa-me .
Um abraço para você. Vou repensar algo sim. Com certeza. Jesus não pode contar com chatos. Ele deve estar chateado comigo.rsrs
Obrigada pelo alerta...

Yuri Amaral disse...

Há um tempo que ensaiava um comentário como esse que deixei e foi publicado nesta postagem. Mas sempre pensava duas vezes antes de clicar no botão de enviar e acabava abortando. Afinal, cada um é livre de se manifestar como quiser em espaços público. Quem sou eu pra regular alguém.

A questão é outra. Esse ser que preza pela verdade - como se houvesse apenas uma, o que, ao menos filosoficamente, é algo questionável - tem um blogue. Mas, não satisfeita com ele, ou infeliz com o baixo número de visitas, sei lá, quer disseminar suas postagens em blogues alheios. Por que não se limitar ao próprio blogue? Quem quiser entra lá e comenta, colabora, faz o que quiser. mas entrar em um blogue essencialmente jornalístico e ficar falando merda - me desculpme, mas não veio palavra diferente na cabeça - como se fosse a coisa mais interessante e importante do mundo é, no mínimo, pelegação. Ainda por cima com comentários que nem tem relação com a postagem. Só pra pregar e defender cegamente um governo fajuto que detonou o estado do rio e, ao que parece, não vai fazer coisa diferente em Campos.

Jumentinha, não fique triste. Ninguém quer te levar pra inquisição. E Jesus não deve estar nem um pouco chateado com seus comentários. Mas, um pouco de semancol faz bem pra saúde. Sua vó nunca te disse isso?

Anônimo disse...

Nossa Vitor, achei que até demorou muito esse desabafo. Nem estava lendo mais os comentário como costumava fazer de tão chato que estava. Beleza vamos ver se agora melhore. Abraço

Rodrigo Rosselini disse...

De fato, esse fenômeno é muito louco, mas também não podemos ser iluministas ao ponto de tecer comentários do tipo "não há vida inteligente", "são todos jumentos", isso beira a intolerância. Ou seja, "eu sou inteligente", "este blog é para pessoas inteligentes e não para fanáticos religiosos", enfim. Temos que tomar cuidado com isso. Há maneiras de contornar a situação.
Um abraço.

Auci disse...

Pois é... eu concordo com Rosselini nas colocações que fez. Afinal, somos tão inteligentes, assim?

E também concordo com o fato de que a gente não comenta porque não tem saco pra ler as mesmas coisas chatas... Afe!

Mas eu leio você, Vitinho... Sempre. Quem sabe se pensar assim: há medianos(nem "cérebros" nem "jumentos ou patetas") que se beneficiam do que postamos no blog. Serve de alento?

Bem a minha cara essa coisa Poliana, não? Mas é que dá uma canseira!

bjs

Gervásio Neto disse...

A invasão de "jumentas" e "patetas" em alguns blogs da cidade realmente é um saco!! Se pelo menos tecesse algum comentário sobre a referida postagem, poderíamos ter maior uma maior compreensão. E espero que esteja errado desta vez, amigo Vitor. Só faltava esse personagem virar cult!! Mas não duvido de mais nada....
saudações botafoguenses do seu leitor assíduo.

Sérgio Provisano disse...

Tenho acessado, lido as postagens e comentado muito pouco. Não que as postagens não mereçam comentários, ao contrário. É que as vezes, estamos naqueles dias em "que a gente se sente, como quem partiu ou morreu", é a roda-viva da vida, onde muitas das vezes, a "alma dos nossos negócios", atropela a nossa vontade de se manifestar e, bate uma preguiça em se organizar nossos pensamentos, digitá-los e postá-los, recheando-os com palavras bonitas de forma que pareçam inteligentes.

Mas concordo em gênero, número e grau com as palavras do Rafael, do Yuri, do Gervásio Teto, do Rodrigo e do Auci, não somos tão inteligentes como pensamos mas, somos o suficiente para perceber que A Pateta do Brasil (sim caros comentarista ela o é!) tem como intuito principal, praticar spam bloguial, com o objetivo de derrubar a audiência desse blog e quem mais aceitar seus comentários em cascata.

Faz parte do jogo democrático do blog, postar os comentários enviados, só que, também acho que a moderação de comentários, ativa como é, deveria ser usada com mais firmeza para evitar a overdose de opiniões de uma mesma pessoa, muitas delas sem nada a ver com o assunto em tela no tópico.

Isso é o que eu acho, mas posso estar cabalmente equivocado, mas repetindo o Yuri, um pouco de semancol nunca é demais, por isso, vou parando por aqui antes que me tachem de pateta.

Uma boa tarde á todos.

Anônimo disse...

Rosângela, jumenta, discípula, pateta é chata, feia, velha e burra.

Rosângela Maria disse...

Obrigada. Sou mesmo. Assumo. JESUS sim, que É TUDO!!!


OLha a palavrinha aqui:
"lenesse".

J:)

Rodrigo Rosselini disse...

hahahahahha!

users online