segunda-feira, fevereiro 02, 2009

Sem as gostosas não dá!

Bem-humorado ou informal demais para o cargo? O juiz Claudio Ferreira Rodrigues, da Vara Cível de Campos, mereceu registros em vários veículos da imprensa e no site Consultor Jurídico, em razão da sentença que prolatou acerca de um processo de um consumidor que reclamava da compra de uma TV com defeito. O magistrado brincou com o fato de o cidadão ficar sem poder ver "as gostosas" do Big Brother.

Diz um trecho da sentença:

""Na vida moderna, não há como negar que um aparelho televisor, presente na quase totalidade dos lares, é considerado bem essencial. Sem ele, como o autor poderia assistir as gostosas do Big Brother, ou o Jornal Nacional, ou um jogo do Americano x Macaé, ou principalmente jogo do Flamengo, do qual o autor se declarou torcedor? Se o autor fosse torcedor do Fluminense ou do Vasco, não haveria a necessidade de haver televisor, já que para sofrer não se precisa de televisão".

A íntegra está aqui.

3 comentários:

Anônimo disse...

No site "Consultor Jurídico" o pessoal "baixa o malho" no juiz. Mas eu discordo. As setenças são carrancudas demais. Sou vascaino e nem por isso fiquei chateado. Na verdade ri muito com o teor da sentença e adorei o censo de humor do juiz.
Abraços!

Julião disse...

Dos males o menor. Pior são os "juizes nossos amigos" que ainda mantêm Arnaldo Viana e Alexandre Mocaiber soltos, usufruindo nosso dinheiro.

Rosângela - discípula aprendendo... disse...

E com as "gostosas"..., NÃO FICA!

users online