segunda-feira, junho 30, 2008

Cine Clube Alternativo

Dia 02/07, próxima quarta-feira no Cine Clube Alternativo Uenf:

BELEZA ROUBADA
Dir.: Bernardo Bertolucci
Gênero: Drama
Duração: 110 min

Após o suicídio de sua mãe uma jovem de 19 anos (Liv Tyler) viaja para a Itália, com o propósito aparente de reencontrar alguns amigos e ter seu retrato pintado, mas planeja rever especialmente um jovem com quem ela dera seu primeiro beijo, quatro anos antes. Simultaneamente pretende decifrar um enigma que foi encontrado no diário da sua mãe, mas gradativamente sua presença exuberante transforma a vida dos seus amigos. EUA, 1996.

Toda Quarta-Feira, às 18:30h
Auditório II, P-4, UENF
ENTRADA FRANCA

Timbúrcio encontra Sandman

A organização da Feira Internacional Literária de Paraty (Flip), divulgou agora o mediador de uma das mesas mais aguardadas do evento. Entre as feras da literatura contemporânea, Neil Gaiman e Richard Price, estará nada menos do que Marcelo Tas, apresentador do programa CQC, da Bandeirantes.

Além de seu atual papel, os mais antigos (nos quais me incluo), vão lembrar dele como o professor Timbúrcio, de Rá Tim Bum e o carinha que respondia as perguntas do Zequinha em Castelo Rá Tim Bum (porque sim não é resposta!). Mas, para nós jornalistas, Tas também é lembrado como o repórter Ernesto Varela, um repórter fictício que fazia matérias verdadeiras, que deram origem ao espetáculo 'Como chegamos aqui?'.


Convenções?!

Além das discussões e dos problemas naturais que surgem nas convenções dos partidos para as eleições majoritárias, vale a pena lembrar o 'mercado paralelo' que surge na porta de cada um desses encontros. A quantidade de barracas de churrasco existentes nas convenções é coisa de louco. Muito mais para uma festa de fim de semana do que para um ponto de decisão partidária. Destaco aqui a cena do último sabádo, da primeira convenção do PSDB, onde, havia, no meio da rua, correligionários tomando cerveja e comendo churrasco, no meio da rua, enquanto rolava a votaçaõ. Sem contar os fogos, desnecessários, que acordaram até os pobres defuntos que eram velados na igreja Boa Morte, localizada em frente ao diretório do partido.

Jornalismo sob ameaça

Não são infundadas as preocupações da Justiça em relação ao comportamento dos jornais na campanha eleitoral. Por tão comuns se tornarem os casos em que publicações transformam-se em braços de partidos e grupos, em detrimento do bom jornalismo, passou-se a desconfiar de que o direito à informação está sucumbindo diante da publicidade disfarçada de matéria jornalística.

Tem artigo novo na Gaveta. Aqui.

Para entender a festa do Monitor

Pense numa festa de uma empresa. Não será difícil imaginá-la como um estorvo para boa parte dos funcionários, se não para todos. Estarão lá obrigados, porque o departamento de RH decidiu que uma festa melhora a “ambiência”. E estarão em situação de desconforto, porque, mesmo na festa, estarão implícitas as regras de hierarquia. E se tudo não der certo, alguém será responsabilizado.

Agora pense numa festa de uma empresa de comunicação. Além destas características citadas pelo primeiro parágrafo, acrescente a exploração comercial que o veículo fará da festa, com patrocinadores convidados, muitas fotos na coluna social, muitas permutas, muita artificialidade.

Agora esqueça tudo isso para saber como foi, no sábado, 28, a festa junina do Monitor Campista. Fazia tempo que não via gente tão sinceramente motivada em uma festa de funcionários de uma empresa. E parte da explicação começa justamente por aí: a festa é realmente iniciativa dos funcionários. Bancada e organizada por eles.

É a segunda vez que participo. E me divirto muito. Além de ficar admirado com atitudes singelas como a de ver colegas jornalistas chegando com um fardo de cerveja, ou uma panela de molho para cachorro quente, ou participando das brincadeiras, ou decorando o ambiente.

Se o leitor soubesse do bom clima que há na redação do Monitor, entenderia facilmente o motivo dele ser, já há algum tempo, o melhor jornal da cidade.

domingo, junho 29, 2008

Outro Cine

Esses dias eu conheci o blog Outro Cine. Um blog que exibe curtas, médias, documentários, ficções, experimentos...
Enfim, uma verdadeira diversidade audiovisual. Vale a pena dar uma conferida aqui.

sábado, junho 28, 2008

Dinamite

Não sou um exímio conhecedor de futebol (mas um apaixonado pelo América - RJ), no entanto, não é preciso saber muito para que se possa dizer que o resultado das eleições no Vasco beneficiará o futebol do Rio, e até mesmo do Brasil.
O Eurico Miranda rodou!
Roberto Dinamite é o novo presidente do clube.

AIC reúne entidades para discutir mortes no trânsito

A AIC (Associação de Imprensa Campista) realiza hoje, às 10h, reunião aberta à comunidade e demais entidades interessadas em discutir a promoção de uma campanha de denúncia sobre os mortes provocadas por acidentes com motos, scooters e motonetas em Campos. Bombeiros, Emut e várias outras instituições foram convidadas.


A reunião acontece na sede da AIC, na rua Tenente Coronel Cardoso, 460, próximo ao cruzamento com a !3 de Maio.

sexta-feira, junho 27, 2008

A 'praca' do PMDB

Além de algumas vezes serem questionados por suas atitudes no exercício das funções administrativas, os políticos agora podem passar a ser criticados por agredir a língua portuguesa. Na cena abaixo, a placa do antigo diretório do PMDB, que ainda figura triunfante na sua sede, mostra que a grafia correta das palavras não está entre as preocupações das lideranças do município. Alguém se habilita a encontrar os seis erros na placa?

Resposta nos comentários, hahahaha.

Carro de Boi...

Revisitanto atividades tradicionais ainda praticadas no Distrito de Rio Preto, no município de Campos dos Goytacazes, o curso de Design Gráfico do CEFET Campos realizou um curta-documentário de 04 minutos sobre Carro de Boi e que tem como personagem o simpático sr.Toninho de Hermet, carreiro desde criança...


quinta-feira, junho 26, 2008

Agência Lene Moraes informa

Neste sábado, dia 28 de junho, grande Roda de Samba e Feijoada no Clube de Regatas Saldanha da Gama.
Início às 13h (sem hora pra terminar)
Na Roda: Lene Moraes e a Turma do Saboya + Não Afunda e Quem Mais Vier.
Participações e canjas serão bem vindas!
Ingressos: R$ 15,00 - antecipado na Arpoador Escola de Música (2724-1343) ou no Saldanha da Gama

Jongo da Barrinha adiado

Foi noticiado neste blog que neste dia 28/06 (sábado) teria na comunidade da Barrinha uma roda de Jongo, porém a referia roda de Jongo foi adiada por motivo de falecimento de parente dos moradores.
A Carol, quem nos passou a informação sobre a roda de Jongo diz: "assim que a data do próximo jongo for definida avisaremos a todos/as. Quem contribuiu com a divulgação favor repassar esta informação. Agradecemos desde já e lamentamos o falecimento".

Você conheceu Simão Sheremet?

Nesta semana recebi e-mail de um campista que mora em Israel. Chama-se Adolfo Berditchevsky e está em busca de informações sobre um tio, Simão Sheremet, que também viveu em Campos e teria se notabilizado nas décadas de 50 e 60 do século XX em razão de trabalhos comunitários.

Berditchevsky quer levantar a história de vida do tio para que esta integre o acervo do Museu Judaico, além de remontar a sua própria trajetória de menino que “batia pernas da Aquidaban até a Pelinca, adentrando pelo antigo campo de futebol do Americano, para ver o jovem Didi (ainda não reconhecido como o gênio do folha seca) jogar aquele bolão”.

E então, você conheceu Simão Sheremet?

Um minuto de atenção!

Caros blogueiros,
O presidente da Associação de Imprensa Campista (AIC), Orávio de Campos Soares, convida a todos para um debate neste sábado, às 10h, sobre o perigo no trânsito com jovens motoqueiros que fazem “pega” pela madrugada. A idéia é levar representantes da segurança do Estado e Município, assim como pessoas interessadas em discutir sobre a falta de imprudência dos motoqueiros.
Segundo bilhetinho recém-chegado a redação, alguns blogueiros já aderiram à idéia como nosso caro Vitor Menezes, Roberto Moraes, Fábio Siqueira, Renato Barreto e Vitor Longo Brás. A proposta é tentar levar os coleguinhas de redação para o debate também. Então, deixo a notícia aqui, para jornalistas, pseudo-jornalistas, interessados e curiosos.
Tudo bem que acordar às 10h, em pleno sábado, não é uma idéia animadora, mas se uma grande maioria tem disposição para ir ao Chega de Palhaçada no mesmo horário, por que não ir a AIC?

Nos vemos por lá.

Droga Virtual

Dando aula para o Quinto período de Design Gráfico, no Cefet Campos, uma aula em que estávamos discutindo o papel do Designer na construção de interfaces, no intuito de elaborar formas de interação e uma melhor relação do Homem com o meio Virtual. Bom, teve um momento, quase no fim da aula, alguns alunos começam a discutir sobre um tal de I-Doser. E eu perguntei o que seria, junto com outros alunos que também não sabiam do que se tratava.
E respondendo a minha pergunta, uma aluna me explicou que I-doser é um site que disponibiliza várias drogas, que na verdade são arquivos de áudio que provocam nos ouvintes sensações semelhantes as das drogas.
Digitando I-Doser no Google é possível encontrar várias informações sobre, modos de potencializar o efeito, onde baixar o aplicativo que roda as drogas (os variados sons que simulam efeitos do álcool, cocaína, ópio, maconha, lsd, heroína, antidepressivos, barbitúricos e toda sorte de drogas que for possível imaginar).

quarta-feira, junho 25, 2008

Cara rico na área


O empresário Eike Batista, dono da empresa MMX, responsável pela obra do Complexo Portuário do Açu, desembarca hoje (25/06), por volta das 10h 30, no Aeroporto Bartholomeu Lizandro, em Campos. Eike então pegará um helicóptero e vai sobrevoar o canteiro de obras do Açu, em São João da Barra, que é o maior investimento particular do Brasil. Logo depois, ele segue para o gabinete da prefeita de SJB, Carla Machado, onde irá conceder uma entrevista coletiva aos órgãos de imprensa da região.

Eike depois irá almoçar no restaurante Boi Grill, ainda em SJB. O acesso ao restaurante é limitado e será feito através de convites. Após o almoço, Eike retorna para o Rio. Eike é um dos homens mais ricos do mundo, com fortuna avaliada em cerca de R$ 16 bilhões.
O minerioduto Minas-Rio - com aproximadamente 525 quilômetros de extensão – será o maior do mundo, com capacidade de transportar 26,5 milhões de toneladas de minério de ferro por ano, ligando as reservas minerais, no estado de Minas Gerais, ao Complexo Portuário do Açu. Especula-se que o grupo das empresas X (MMX, LLX, etc), já tenha comprado 2/3 das terras de São João da Barra.

Animação bacana essa...

A boa de hoje - pelo menos do comecinho da noite...

CINE
CLUBE
ALTERNATIVO UENF

Dia 17/06

A PROFESSORA DE PIANO

Uma professora de piano que se excita indo a cinemas pornôs se envolve com um de seus alunos, com quem tem um relacionamento cheio de jogos perversos. Dirigido por Michael Haneke (Caché) e com Isabelle Huppert no elenco.
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 131 minutos
Ano de Lançamento (França / Áustria): 2001

Toda QUARTA-feira às 18:30

ENTRADA FRANCA

Contato: cineclubeuenf@hotmail.com
Apoio: Scriba DVDlocadora (27228414)

terça-feira, junho 24, 2008

Hora de sugerir temas para a Rede Blog

Aberta a temporada de sugestões de temas para pautar a Rede Blog em 21 de julho. Os blogs que estão na vez de fazer indicações são os seguintes:

Indicam para 21/07/08
21 - Sepé - Fabiano Seixas - http://www.fabianoseixas.blogspot.com/
22 - urgente! – Coletivo - http://urgente.blogspot.com/
23 - Ururau Irado - http://ururauirado.wordpress.com/
24 - Verbo Solto - Fátima Nascimento - http://www.verbosolto.blog-se.com.br/
25 - Vitor Longo Braz - http://www.blogvitorlongo.blogspot.com/

Vamo que vamo!

Serviço completo


Atendendo a muitos pedidos emocionados, apelos dramáticos e reivindicações contundentes em razão de nota que postei, informo o endereço do bar da fábrica da Arte Pura: Rua Santiago Carvalhido Filho, 29, Centro. Telefone: 2724 1819.

Traduzindo: Fica em uma rua próxima à Ponte de Trem, na Beira Rio (Avenida XV de Novembro), ao lado de uma área abandonada da antiga Rede Ferroviária Federal.

Ao lado, a imagem disponível no site da cervejaria, com o mapinha.

Se fosse o endereço de uma igreja, não haveria tantos pedidos! Ô raça!

Encontro da imprensa Petrobras

A Petrobras vai realizar, na próxima semana, dia 03/07, o "Encontro com a Imprensa". O evento acontece no Clube do Canal Cabo Frio, na cidade de mesmo nome. Os convites para o encontro foram distribuídos, com muita criatividade, em forma de blocos de papel, com motivos jornalísticos. O clube está localizado na Rua Coronel Ferreira, número 932, em Portinho, às 20h.

Mais informações nos telefones: (22) 2761-7288 / (22) 2761-6943 / (22) 2757-8303 ou pelo e-mail: imprensabc@petrobras.com.br

segunda-feira, junho 23, 2008

Valei-me meu lugar-comum

De tanto colecionar lugares-comuns e frases feitas, o jornalista e escritor Humberto Werneck acabou por organizar um dicionário “especialmente dedicado” (olha aí!) a eles, que se chama “Pai-dos-burros – Dicionário de lugares-comuns e frases feitas” e “deve sair ainda este ano pela” Arquipélago Editorial, de Porto Alegre.

Tem artigo novo na Gaveta. Aqui.

Panelaço animado

Animadores culturais da região realizam amanhã, no Largo da Imprensa (Calçadão, ao lado da Catedral), às 11h, um Panelaço para denunciar a situação de abandono em que se encontram. O movimento tem um blog aonde dá outras informações sobre a manifestação, aqui.

Enfim, um bar diferente

Foto: Vitor Menezes
No sábado, 21, conheci o Bar da Fábrica da Arte Pura, a cerveja artesanal que começa a ser produzida em Campos. Bacana o lugar. De acordo com um dos sócios do negócio, Raphael D´Avila, a proposta segue um conceito alemão de produzir menos, mas com mais qualidade, e manter um bar na fábrica para happy hour e ter forte envolvimento com a comunidade regional.

Por enquanto, o chopp servido no bar ainda não é o Arte Pura, que começou a ser produzido e deve ficar pronto no final deste mês e para quando deverá ser organizada uma inauguração oficial do empreendimento. Mas é um similar, feito em uma cervejaria também artesanal em Vassouras (RJ).

O que mais gostei no bar é o de não ter as afetações de bares sofisticados. É rústico e, como se dizia no ABC Paulista dos anos 70, “no chão da fábrica”, o que dá um clima diferente. O cliente fica com a sensação de ser um degustador, alguém que está bebendo o que acabou de ser produzido nas máquinas que estão bem ali ao lado.

Os projetos de D´Avila para a fábrica são interessantes. Já está funcionando, por exemplo, um esquema de entrega de chopp em pequenas quantidades. Os caras vão à sua casa, instalam a choppeira, e você paga o líquido. Depois da festa eles desinstalam.

No futuro, a Arte Pura também produzirá cerveja, mas também em pequena escala e para ser comercializada em embalagens menores, para manter-se fiel ao propósito de ser artesanal.

D´Ávila explica que as grandes cervejarias produzem, com indução química, chopp em oito dias, enquanto a produção artesanal, totalmente orgânica, leva cerca de 18 dias.

O bar funciona de segunda a sexta-feira — “com testes no final de semana”. Contatos e outras informações sobre a proposta estão aqui.

domingo, junho 22, 2008

Segunda Mostra de Filme Ambiental e Etnográfico de Rio das Ostras

Aberto o calendário 2008
A 2a Mostra do Filme Ambiental e Etnográfico de Rio das Ostras abriu no dia 05 de junho seu calendário para as atividades deste ano. O evento acontecerá entre os dias 17 e 21 de novembro, no Pólo Universitário de Rio das Ostras (PURO), dentro da agenda do 2º Fórum de Cultura do Interior, organizado por docentes e educandos do curso de Produção Cultural do PURO.

Este ano, durante os cinco dias da mostra, diversas atividades paralelas às exibições dos filmes serão oferecidas gratuitamente para o público, que poderá escolher de que maneira desejará participar do evento. Haverá debates, oficinas de fotografia, de cinema documentário e mesas redondas com pesquisadores e estudantes da Região, que apresentarão trabalhos acadêmicos com dados atuais sobre a história e o desenvolvimento da Região da Baixada Litorânea.

Serão escolhidos, pelo júri popular, cinco obras que integrarão o primeiro DVD Acervo Videoteca do PURO. O mesmo será produzido e distribuído pela equipe organizadora do evento para instituições de ensino federal e escolas das redes estaduais e municipais da Região.

Participe, inscreva seu filme até 31 de julho

Mais informações aqui.

sábado, junho 21, 2008

Inscreva-se na I Mostra Internacional de Filmes Sociais

Estudantes e recém-formados podem enviar curtas até 1º de maio

Qual é a mensagem que você quer passar para o mundo? O Instituto Vera e o International Latino Cultural Center of Chicago abrem esses espaço aos estudantes e recém-formados em Publicidade, Jornalismo, Rádio e TV e Cinema, por meio da I Mostra Internacional de Filmes Sociais. Interessados de todo o mundo devem enviar curtas de temática social ou ambiental até 1º de maio.
Podem participar da mostra vídeos, produzidos ou não no ambiente acadêmico, com duração de 30 segundos a 15 minutos. São aceitos filmes de qualquer linguagem ou gênero. Há restrição, no entanto, no conteúdo do material. O curta deverá conter dicas de prevenção, problemáticas sociais e culturais, cultura de paz, direitos humanos, denúncias, consciência de cadeias produtivas ecologicamente corretas, aquecimento global, tratamento igualitário com pessoas com deficiência ou de desenvolvimento sustentável.
Os produtores interessados devem enviar duas cópias do vídeo em 35mm, Beta-SP, DVD ou NTSC. É preciso, ainda, apresentar uma ficha técnica com o nome, número do documento de identidade, endereço, telefone e e-mail dos responsáveis pelos filmes, além do nome da universidade, do curso e data de formação. E mais, os diretores devem emitir uma autorização para a exibição dos filmes nos festivais de cada país.
As documentações podem ser entregues, pessoalmente, nas lojas da Chilli Beans (Clique aqui e confira os endereços) ou enviadas pelo correio, no seguinte endereço:
Instituto VERA
A/C Sra. Sabrina Campos - Presidente Instituto VERA
Rua Cristiano Viana, 1138
Cerqueira Cesar - São Paulo - SP
CEP 05411-000
Segundo a presidente do Instituto Vera, Sabrina Campos, a mostra não tem caráter competitivo. "Os estudantes e recém-formados terão a oportunidade de divulgar o seu trabalho para o mundo, sem custo algum", aponta.
Entre junho de 2008 e junho de 2009, os vídeos selecionados pela comissão julgadora, composta por profissionais da área, serão exibidos em cinco países. "Não há um número pré-determinado de aprovados. Isso vai depender do tempo das exposições e, consequentemente, da duração dos melhores vídeos", descreve Sabrina.
Em junho de 2008 a Mostra estará em São Paulo. Em novembro, será a vez de Portugal. Em seguida, a exposição segue para Espanha (janeiro de 2009) e para Chicago, nos EUA (abril de 2009). A mostra itinerante se encerra na Itália, em junho de 2009. O resultado do processo seletivo será divulgado no dia 5 de maio, no site do Instituto VERA. Fique atento!

Hoje é dia de Rede Blog!

A Rede Blog volta a se formar hoje, para tratar do tema "Rabo preso, clientelismo e voto em Campos". Confira abaixo os integrantes da Rede e informe se o seu blog não estiver na lista. Para participar, basta manifestar desejo de integrar a Rede Blog e postar textos, vídeos, fotos ou áudios que tenham relação com o assunto escolhido pela enquête.

1 - A Patuléia do Brejo – Eugênio Soares - http://ce.lemos.blog.uol.com.br/
2 - Aspectos - Wesley Machado - http://www.aspectos.blog.br/
3 - Comentários do Cotidiano - Fabio Siqueira - http://fabiosiqueira.blogspot.com/
4 - Converse com Sérgio Diniz – http://www.sergiodinizescreve.blogspot.com/
5 - Desenvolvimento de Erros - Sagaz - http://www.sagazcarvalho.net/blog/blog/
6 - Diário de Classe – Coletivo - http://ddclasse.blogspot.com/
7 - Eu penso que... - Ricardo André - http://www.ricandrevasconcelos.blogspot.com/
8 - Geraldo Pudim - http://www.geraldopudim.com.br/blog/
9 - Imagina - Jules Rimet - http://www.imagina.blogspot.com/
10 - Leandro Azevedo - http://leandrowebmaster.blogspot.com/
11 - Luciano Azevedo - http://www.lucianoazevedo.com/
12 - Luiz Felipe Muniz - http://luizfelipemunizdesouza.zip.net/
13 - Márcio Fernandes - http://marcioffernandes.blogspot.com/
14 - Mumunha Futebol Clube – Álvaro Marcos - http://mumunha.blogspot.com/
15 - Palabrasti - Victor Dahia - http://palabrasti.blog-se.com.br/
16 - Refúgio do Camelo e do Dromedário - João Ventura - http://joaosucubu.blogspot.com/
17 - Resta Acima de Tudo - Aucilene Freitas - http://restaacimadetudo.spaceblog.com.br/
18 - Retrato 3x4 - Wellington Cordeiro - http://retratotresporquatro.blogspot.com/
19 - Roberto Moraes - http://robertomoraes.blogspot.com/
20 - Sepé - Fabiano Seixas - http://www.fabianoseixas.blogspot.com/
21 - urgente! – Coletivo - http://urgente.blogspot.com/
22 - Ururau Irado - http://ururauirado.wordpress.com/
23 - Verbo Solto - Fátima Nascimento - http://www.verbosolto.blog-se.com.br/
24 - Vitor Longo Braz - http://www.blogvitorlongo.blogspot.com/
25 – Fatos, fotos e afins - Gustavo Rangel – http://fotosfatoseafins.blogspot.com/
26 - Rafael Borba - http://rafaborba.blogspot.com/
27 - A Trolha - http://atrolha.blogspot.com/
28 - Diego Rangel - http://diegorangell.blogspot.com/
29 - Universo Paralelo Jornalístico - Coletivo - http://universoparaleloj.blogspot.com/
30 - Novo Céu Nova Terra - Fávio Mussa Tavares - http://novoceuenovaterra.blogspot.com


Inclua seu blog nesta lista e participe!

[atualizado às 14h19 de 23/06/08]

sexta-feira, junho 20, 2008

Neste sábado é dia de Rede Blog

Os blogs da Rede Blog estão convidados a tratarem, neste sábado, 21, do assunto "Rabo preso", clientelismo e voto em Campos, escolhido por 37% dos votantes da enquête com as sugestões de pauta. Vamo que vamo!

As boas de hoje

Daqui a pouco tem Toninho Horta no Cesta Cultural, no Palácio da Cultura. E exibição do filme "A Festa Nunca Termina", no Sesc. Os dois são às 19h.

Alguém vai ter que ceder

Terminou agora há pouco a reunião entre as executivas do PT e do PSDB, para tentar resolver a questão da coligação entre os dois partidos. Durante a reunião, o PSDB enviou o posicionamento do partido dizendo que não aceita outra proposta senão a candidatura de Paulo Feijó encabeçando a chapa, restando o nome do vice para o PT que, é claro, reclamou da proposta. O PT reclamou que isso não havia sido acordado entre os dois partidos e terá uma nova reunião, na próxima segunda-feira, com todos os membros da executiva do partido, para decidir qual rumo tomar na eleição.

Participaram da reunião quatro dos sete membros da executiva do PT, incluindo seu potencial candidato, Makhoul Moussalem e outros dois representantes do PSDB, Geraldo Coutinho Filho e Robson Colla, que levaram a proposta do partido por escrito. Feijó não compareceu.

A Bahia é aqui

A Comissão Pastoral da Terra está convidando para duas noites de Jongo em São Francisco do Itabapoana. A primeira é neste sábado, 21, em Lagoa Feia de São Francisco, e a outra é no sábado seguinte, 28, em Barrinha. Para amanhã está definido ônibus às 19h, em Travessão, com retorno às 0h. A passagem custa R$ 5. As rodas de jongo celebram, vejam só, os santos católicos São João e São Pedro.

Homenagem

Hoje é Dia Mundial do Refugiado. Fica aqui a nossa homenagem aos jornalistas Jorge Rocha, João Paulo Arruda e Felipe Sáles.

Saudades de A Cidade

Do antigo jornal A Cidade, agora nem mais o prédio resta. A velha redação aonde Marilda Rios esculhambava os estagiários que enchiam suas mesas de cinzeiros, ou de onde Sérgio Escovedo e Roberto Barbosa disparavam seus mísseis verbais, por onde circulavam gatos entre os repórteres, e de onde era possível ver a gráfica rodar o jornal, não mais existe.

Fotos: Wellington Cordeiro

Mais imagens do abandono

O fotógrafo Wellington Cordeiro também fez uma visita recente ao Museu de Campos. O estado do interior do prédio havia sido revelado pelo blog do Ricardo André, com fotos de Mário Neto. Veja abaixo as novas imagens:

Fotos: Wellington Cordeiro


















quinta-feira, junho 19, 2008

Cinema Experimental

Um elefante incomoda muita gente

cine café às 7

Amanhã, sexta-feira, dia 20/06, no Sesc Campos às 19h
Exibição do filme "A Festa Nunca Termina" seguido de bate-papo

Sinopse
Manchester, 1976. O aluno de Cambridge Tony Wilson (Steve Coogan) está no show dos Sex Pistols. Totalmente inspirado por esse momento-chave da história da música, ele e seus amigos montam um selo chamado Factory. Eles assinam um contrato com o Joy Division (que viria a ser o New Order), com o James e os Happy Mondays, todos artistas seminais de seu tempo. Isso desencadeia um turbilhão de sexo, música e drogas que culmina com o nascimento de um dos dance clubs mais famosos do mundo, o Hacienda, meca de clubbers e adeptos do psicodelismo. Descrevendo a herança musical de Manchester desde a década de 1970 até o início dos anos 90, o filme ilustra a vibração que fez de Manchester o lugar onde todos gostariam de estar.

Direção: Michael Winterbottom

Polêmica abstinência

Matéria do jornal Expresso Regional, que tem maior circulação em Macaé e Rio das Ostras, virou assunto obrigatório nas rodas de petroleiros nesta semana. É a que reproduz declarações atribuídas pela publicação ao vereador Paulo Antunes (PMDB), da Câmara de Macaé, que teria insinuado que o trabalhador off shore, por passar tanto tempo embarcado, é um estuprador em potencial. O parlamentar nega que tenha dito tamanho absurdo, mas o jornal tem cópia da ata da reunião onde o próprio Legislativo registrou a seguinte argumentação de Antunes em defesa da sua proposta de criar uma área onde seja permitida a prostituição no município: "Tem que ter isso, pois a prostituição é um mal necessário. Pois se os cidadãos que passam trinta dias no mar, não tiverem as prostitutas irão estuprar outras mulheres".

É só até amanhã

Como diz aquela propaganda de uma rede de varejo, é só até amanhã! Termina nesta sexta, 20, o prazo de inscrições para o Prêmio Imprensa Embratel. Há mais informações e fichas para inscrição de trabalhos nos sites da Embratel, do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro e da Arfoc.

quarta-feira, junho 18, 2008

Campos tem um carma?

Este é o título de uma das instigantes notas do blog do médico Flávio Mussa Tavares, que quer conversar com os leitores sobre política e espiritismo. Parece bastante apropriado. O novo integrante da blogosfera está aqui. Seja bem-vindo!

Samba no vinil


Hoje tem samba de Noel na Noite do Vinil, às 22h, no Dom Tutti. Mais informações aqui.

terça-feira, junho 17, 2008

Atenção coleguinhas do Ifet, INSS e demais órgãos federais

"O Ministério do Planejamento baixou a Portaria 222/08 estabelecendo a jornada de cinco horas diárias para todos os ocupantes de cargos em cujos editais de concurso estava caracterizado o exercício de funções jornalísticas. A portaria atende a uma reivindicação que a FENAJ e o Sindicato dos Jornalistas do DF pleiteiam há vários anos", informou o site da Fenaj. Veja íntegra da matéria aqui.

É hoje!


Daqui a pouco, às 19h, no auditório da Faculdade de Odontologia de Campos, acontece o lançamento do documentário Pura Realidade, produzido pelos alunos do 4º Período de Comunicação da Fafic. O filme mostra o cotidiano dos bombeiros do batalhão de Campos dos Goytacazes (RJ). Mais informações aqui, no blog do documentário.

segunda-feira, junho 16, 2008

Projeto natimorto


A menine Simone Pedro, escritora desregulamentada, deu nota aqui no Aguentamos dando conta de que voltará à apreciação no Plenário do Congresso projeto de Lei, do deputado aí do bonequinho ao lado, Antônio Carlos Pannunzio (PSDB), que regulamenta a profissão de escritor. A idéia, que tramita desde 1998, tem tudo para continuar sem ir a lugar algum.

Novos crimes célebres de Campos

Se alguém se aventurasse, hoje, a retomar a saga jornalística de Gastão Machado e resolvesse publicar uma versão atualizada para “Os crimes célebres de Campos”, provavelmente deveria visitar outras páginas do código penal. É que, diferentemente do tempo de Machado, lá pela primeira metade do século XX, Campos tem se tornado célebre não mais por crimes contra um ou outro indivíduo incauto que perde a vida numa esquina escura, ou como o da briga de família que acaba em homicídio, ou daqueles perpetrados por um misterioso assassino. A criminalidade agora age em bando e atinge a massa, como têm mostrado a Polícia Federal e o Ministério Público.

Tem artigo novo na Gaveta. Aqui.

Aviso de Pauta

Atenção coleguinhas, uma enfermeira que foi contratada pela tenda da hidratação está avisando que fará um protesto em frente à casa do prefeito Alexandre Mocaiber, amanhã, para denunciar os problemas que enfrenta. Confira texto publicado por ela em um post do urgente!:

"Sou Flávia D’Angelo, Enfermeira contratada desde 2005 pela Secretaria de Saúde de Campos. No dia 04 de abril, recebi um telefonema da Sra.Elisabeth Moura perguntando se teria interesse em trabalhar na Tenda de Hidratação da Dengue, aos domingos em regime de plantão 24h. Para acertar maiores detalhes, me passou ao Enfermeiro Ivan, pedindo documentação para o contrato que seria com o Estado e informou que o salário seria de R$ 3000,00.

Levei toda a documentação e comecei meu trabalho. Depois de aproximadamente 25 dias, me ligaram para levar novamente a documentação, pois o contrato seria assinado por uma Cooperativa do Rio de Janeiro, a Service Coop, no Hospital Plantadores de Cana. Assinamos. Depois começou o boato de que não receberíamos o salário prometido. Para a minha surpresa, (ou não), recebi no dia 16 de maio o valor de R$1000,69. Entrei em contato com a tal Cooperativa no Rio, e ao falar com a funcionária de nome Janaína, ela me disse que o salário passado pela Secretaria de Saúde para a Cooperativa seria R$2000,00, e que foram descontados os encargos trabalhistas, e esse valor era por ter feito 03 plantões.No último dia 11 de junho, recebi R$707,00!!!! E ao perguntar para outros enfermeiros o seu valor recebido, todos afirmaram aproximadamente R$1500,00.

Ao procurar o Departamento de Enfermagem, fui informada por Keity Magalhães, também Enfermeira, que não adiantaria ligar para a Service Coop, pois o Estado teria repassado pouco dinheiro para eles. Que era pra reclamar com o Estado.

Bem agora minhas questões:

- Fui convocada pelo Departamento de Enfermagem alegando ser o salário de R$3000,00 por três meses de contrato;

- O estado apenas repassaria a verba para a Prefeitura para contratação dos profissionais, cabendo essa contratação à própria Prefeitura;

- Foi contratada uma Cooperativa para efetuar tal função, mesmo havendo um Termo de Ajuste de Conduta, onde esse tipo de convênio está proibido pelo Ministério do Trabalho em Campos;

- Cooperativas são de livre adesão, não prestam serviços a terceiros e não possuem encargos trabalhista...por isso uma forma ilícita de contratação;

- Um Enfermeiro substituto no Departamento de Enfermagem ganha por mês como plantonista 24h aproximadamente R$2400,00;

- Nem a Secretaria de Governo nem a Administração conhecem esse convênio... muito menos a Service Coop;

- Não só Enfermeiros tiveram salários reduzidos à metade do prometido, também Técnicos de Enfermagem e Médicos;

- Houve explícita diferenciação de pagamentos, entre médicos e enfermeiros, e total falta de fiscalização, pois uma Enfermeira, que deveria dar o exemplo pelo cargo que exerce, tinha seu nome na escala, recebeu e nunca foi trabalhar;

- Como maioria dos Enfermeiros é de substituto que entrou como reforço de verão e continua até hoje, sentem-se ameaçados e não denunciam.

Por isso, inicio no dia 17 de junho, minha luta para receber o que me é devido, e também para ter uma lotação, que não possuo desde que retornei do Hospital de Guarús devido convocação de aprovados em recente concurso, pois ocupam meu lugar os substitutos, inclusive residentes de São Fidélis, Muqui e outras cidades do Espírito Santo. Inclusive, proibidos de continuar depois da liminar da Justiça do Trabalho, e já oficiado o Departamento Pessoal da Secretaria de Saúde, mas o departamento de Enfermagem envia a lista para pagamento diretamente a Secretaria de Administração, ao Sr Carlos Moralles, não tendo então o Departamento Pessoal menor controle de suas lotações. Em sua maioria, substitutos fazem plantões em Farol, Morro do Coco, Lagoa de Cima, todos 24h, recebendo em torno de R$2400,00.

Para isso, me colocarei em Frente a casa do Prefeito de Campos, Sr.Alexandre Mocaiber, e lá ficarei até resolverem minha situação. Não estou fora da lei, só quero meus direitos. Contratados serão demitidos, muitos com anos de casa, e substitutos que entraram recentemente ocupam nossos lugares.

QUERO CONCURSO PÚBLICO SÉRIO JÁ!!
QUERO O SALÁRIO QUE ME PROMETERAM!
QUERO RECEBER PELO QUE TRABALHEI!
QUERO MINHA LOTAÇÃO!!!
CONTO COM A DIVULGAÇÃO E APOIO DE VOCÊS PARA MAIS UMA INJUSTIÇA DO DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM!!"

domingo, junho 15, 2008

No site da FENAJ

Ação do diploma está na pauta do Supremo Tribunal Federal

Já está na pauta do Supremo Tribunal Federal o recurso extraordinário sobre a exigência do diploma de formação universitária específica para o exercício profissional do Jornalismo. A FENAJ considera que o momento é decisivo para a categoria. Por isso desencadeará nova e ampla mobilização em defesa dos interesses dos jornalistas.

A Executiva e a Coordenação Nacional da campanha em defesa do diploma reuniram-se em telereunião nesta quarta-feira (11/06). Foi definido um plano de Mobilização a ser implementado nos próximos dias. A idéia é envolver os Sindicatos da categoria, cursos de Jornalismo, entidades da área, movimentos sociais e todo o apoio material e político possíveis para sensibilizar o STF.

Para o presidente da FENAJ, Sérgio Murillo de Andrade, o questionamento da exigência do diploma para o exercício do jornalismo revela “o inequívoco interesse empresarial em derrubar tal exigência como elemento central de desregulamentaçã o da profissão”. Murillo considera, no entanto, que uma ampla movimentação da categoria neste momento será determinante.

Na próxima semana ,o advogado que defende o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo e a FENAJ nesta ação, João Roberto Piza Fontes, entregará um memorial sobre esta questão aos ministros do STF.

sexta-feira, junho 13, 2008

Folha (de São Paulo) online afirma que Rosinha é candidata

A Folha online dá como certa a candidatura de Rosinha a Prefeitura de Campos pelo PMDB, no entanto a "oficialização da candidatura só ocorrerá no dia 29, data da convenção do PMDB no município." E que também não tem um vice definido, que pode saiar de uma possível coligação com o DEM e o PSDB.

quinta-feira, junho 12, 2008

Cine Café às 7

Amanha, sexta-feira, dia 13 de junho, às 19h no Sesc Campos terá a exibição do filme "Backbeat: Os Cinco Rapazes de Liverpool".

A história tem foco na luta interior de Stuart Sutcliffe, o quinto Beatle, que tem um dom de pintar quadros e toca baixo na banda que, posteriormente, viraria febre mundial. Ele vai ilegalmente para a Alemanha, fazer shows em um "bar" de baixo calão, para tentar conseguir algum tipo de reconhecimento. O filme tem parte de sua história rodada em Hamburg, onde Stu, como é conhecido no filme, conhece Astrid e Klauss, dois alemães, que começam a mudar o rumo de sua vida. O rapaz toca baixo na banda e então começa a viver um dilema: ou ser pintor e ficar com a amada Astrid ou continuar com a banda tendo a certeza do sucesso que irá alcançar.

» Direção: Iain Softley
» Roteiro: Iain Softley, Michael Thomas
» Gênero: Drama/Musical
» Origem: Alemanha/Inglaterra
» Duração: 100 minutos
» Tipo: Longa

Sesc Campos, às 19h.
apoio: Scriba DVD Locadora

Por enquanto, quase a pura realidade

Alunos do 4º período de Comunicação da Fafic realizaram ontem uma ousada estratégia de marketing para divulgar o documentário Pura Realidade, sobre o cotidiano dos Bombeiros de Campos dos Goytacazes (RJ). Uma simulação de acidente foi feita pela corporação na esquina da faculdade, utilizando estudantes como atores no papel das vítimas.

O lançamento do documentário acontece na próxima terça, 17, às 19h, no auditório da Faculdade de Odontologia de Campos.

Os bastidores da produção estão no blog do documentário. Aqui.

Escolha difícil

A disputa está acirrada na enquête aí ao lado para escolher o tema que pautará a Rede Blog no próximo dia 21. Participe você também!

Januário Garcia na Femass

A Femass (Faculdade Municipal Prof. Miguel Ângelo da Silva Santos), de Macaé, promove no próximo dia 20, às 18h, palestra com Januário Garcia Filho, como o tema Fotografia e Estética Negra. Garcia Filho é militante do Movimento Negro, ex-presidente do Instituto de Pesquisas de Culturas Negras e autor do livro 25 anos de Movimento Negro no Brasil.

quarta-feira, junho 11, 2008

Metido com negócio de poesia

O bom espírito de porco Artur Gomes estará no IV Belô Poético, nesta quinta, 12, às 16h20, no Sesc JK. Há rumores de que Jorge Rocha comparecerá ao evento, arrastado pela orelha por Ana Elisa Ribeiro. O Belô, aberto ontem, segue até esta sexta, 13. Programação completa aqui.

Fórum de Mídia Livre

No próximo final de semana, dias 14 e 15, acontece na UERJ o 1º Fórum de Mídia Livre, com um aglomerado de gente que vem se encontrando para discutir formas de combater a concentração da mídia no Brasil. Mais informações aqui.

Programe-se

Duas boas pedidas para hoje: às 20h, no Sesc, tem performance de Adriano Moura, com o grupo musical Tom di verso, interpretando Beatles e poemas de Allen Ginsberg. E às 22h, tem a tradicional Noite do Vinil, no Dom Tutti, como baladas românticas na virada para o Dia dos Namorados. No próximo dia 18, também uma quarta-feira, Moura volta a se apresentar no Sesc, no mesmo horário.

terça-feira, junho 10, 2008

Blogaria campista

Nos últimos dias tem ocorrido uma profusão de lançamentos de blogs de espíritos inquietos dessa terra plana. Confira as últimas da seção chuvisco:

Cabruncos
http://blogdecabruncos.blogspot.com/

Goytacity
http://goytacity.zip.net/

Ligação Direta
http://ligacaodireta.blogspot.com/

Lívia Nunes
http://relatar-te.blogspot.com/

O aparelho
http://oaparelho.blogspot.com/

Fica o convite para que todos se incorporem à Rede Blog. Sejam bem-vindos!

Para ombudsman da Folha, não houve desonestidade

Em resposta a post aqui do urgente!, que teve link enviado para o ombudsman da Folha de São Paulo, o jornalista Carlos Eduardo Lins da Silva, que ocupa a função, afirma que não considera que o jornal tenha incorrido em “desonestidade”. São as seguintes as suas palavras, enviadas por e-mail:

“Acho que um pouquinho, sim, pode ter havido uma forçadinha. Nada que eu considere uma aberração. Li o seu post e discordo que tenha havido “desonestidade intelectual”. O artigo do Alterman é muito bom e bastante crítico dos jornais impressos e principalmente da maneira como eles têm reagido à sua crise. Portanto, o simples fato de a Folha o ter publicado já é indício de que não houve desonestidade”.

O ombudsman também registrou que encaminhou a observação do urgente! para os jornalistas responsáveis pelo caderno.

segunda-feira, junho 09, 2008

Cine Club Alternativo - Uenf

11/06 (quarta-feira), 18h e 30 min, no auditório II, P4 - UENF

MEMÓRIAS DO SUBDESENVOLVIMENTO

Dir.: Tomás Gutiérrez Alea
Gênero: Drama
Duração: 97 min

Sinopse:

Em 1962, logo depois da Revolução de Fidel Castro em Cuba, Sergio fica sozinho em Havana, quando sua mulher se divorcia e sai do país, assim como seu melhor amigo. Acaba se casando com uma mulher que não desejava. Mas sua apatia e inação o condenam à solidão. Cuba, 1968.

Apoio: Scriba DVD locadora (2722-8414)

Quero ter em quem votar

Neste mês de junho é que a sociedade campista conhecerá a resposta dos partidos do município à situação política que se abateu sobre a cidade. Até o próximo dia 30 acontecem as convenções partidárias, quando são escolhidos os candidatos que se apresentarão para a disputa nas eleições de outubro.

Tem artigo novo na Gaveta. Aqui.

Boletim traz artigos sobre mudanças nos royalties


Entrou no ar hoje a edição número 20 do Boletim Petróleo, Royalties & Região, que trata das mudanças que podem estar por vir nas regras dos royalties. Confira os temas:

A Hipótese de um Sistema de Tetos para os Royalties
Pesquisadores sugerem alternativa de distribuição dos royalties onde seja considerado um teto para os recebedores. Cada município poderia ter um "orçamento médio".

Royalties e Justiça
Senador Mercadante (PT-SP) defende, em artigo enviado ao BPR&R, a mudança nas regras de distribuição dos royalties no Brasil. Segundo ele, legislação atual provoca crise federativa.

Querem tomar nossos Royalties
Também a convite do Boletim Petróleo, Royalties & Região, senador Crivella (PRB-RJ) defende a manutenção das regras atuais, que considera justa para com os municípios que sofrem os impactos negativos da indústria do petróleo.

As linhas de um novo critério
Grupo de pesquisadores mostra estudo inédito sobre novos critérios geográficos de divisão dos royalties incidentes sobre a produção marítima

Petróleo e mudanças climáticas
Especialista da ANP defende vinculação de repasses das Participações Especiais do Petróleo para programa de prevenção às Mudanças Climáticas.

A íntegra do boletim está disponível em pdf aqui.

Monitor registra 2º Chega



O Monitor Campista de hoje deu registro bacana sobre o 2º Chega de Palhaçada, realizado no sábado. Confira:

"Manifestação de blogueiros volta ao Centro

DA REDAÇÃO

Pela segunda vez este ano, o grupo de bloqueiros de Campos ocupou a Praça São Salvador para promover mais uma manifestação, levantando a bandeira “Chega de Palhaçada”. O evento aconteceu na manhã do último sábado, com o mote “Fora Mocaiber, Fora Garotinho, Fora Arnaldo, Quero um outro caminho”.

O objetivo do movimento dos blogueiros é reivindicar, dos partidos políticos de Campos, a indicação de novos candidatos para as próximas eleições, a serem realizadas em outubro, sem vinculação com os grupos que dominam a política local há aproximadamente 20 anos. Com a bandeira do Brasil e usando nariz de palhaço, o grupo fez protesto bem humorado, mas com muita seriedade."

Atenção Rede Blog!

Estamos atrasados com as indicações de temas para a enquete da Rede Blog. Dos cinco blogs que estão na vez de fazer indicações, apenas dois já o fizeram: Aucilene Freitas (Saúde em Campos) e Roberto Moraes (Bons exemplos de gestão em Campos). Ainda faltam os seguintes blogs:

Palabrasti - Victor Dahia - http://palabrasti.blog-se.com.br/
Refúgio do Camelo e do Dromedário - João Ventura - http://joaosucubu.blogspot.com/
Retrato 3x4 - Wellington Cordeiro - http://retratotresporquatro.blogspot.com/

Acorda aí, meu povo! Vou colocar a enquete no ar amanhã com as sugestões disponíveis.

Vamo que vamo!

Caderno da Folha força a mão na defesa dos jornais

Reprodução
O Caderno Mais!, da Folha de São Paulo de ontem, cometeu uma desonestidade editorial que pode ser sintomática do desespero dos jornais impressos. A capa do caderno destacava a simpática imagem do cãozinho entregando um jornal, ilustrando as chamadas “Com vendagens em ascensão em países como Brasil e China, diários põem em xeque previsões pessimistas e reafirmam seu papel no debate público” e “Eric Alterman analisa os desafios vividos por jornais como o ´New York Times´ diante do crescimento da internet´. Ambas se relacionavam com a “manchete”, em caixa alta, “De volta para o jornal”. Ou seja, quem ficou na capa pode ter acreditado que os impressos têm um futuro promissor.

Mas quem leu os dois artigos que sustentam o tema viu que não é bem assim. O primeiro, da editora-executiva da Folha, Eleonora de Lucena, faz a apologia da importância histórica da imprensa, antes de se ancorar na informação de que “A venda de jornais continua a crescer no mundo (2,6% em 2007), muito impulsionada por países como China e Índia — e Brasil, que teve alta de 11,8%”. Depois, deita mais elogios aos impressos. Todos pertinentes, diga-se, e bastante conhecidos. Parecem ter saído de um release da ANJ (Associação Nacional de Jornais).

A cereja do bolo do caderno, no entanto, é o artigo de Alterman, publicado originalmente na New Yorker, em 31 de março deste ano. E este mostra um cenário de mudanças onde os jornais perderam muito prestígio e poder, embora ainda conservem algum papel organizador do noticiário do dia. Algumas das suas constatações:

“Por muitas décadas, publicar o jornal dominante —ou único— de uma cidade dos EUA de porte médio equivalia a deter uma licença para imprimir dinheiro”.

“Na era da internet ainda não apareceu ninguém com uma solução para salvar o jornal, nos EUA e no mundo”.

“Talvez isso ajude a explicar por que o número decrescente de americanos que compram e lêem jornais diários gasta cada vez menos tempo com eles: a média é inferior a 15 horas por mês. E meros 19% doa americanos com idade entre 18 e 34 anos declaram consultar jornais diários. A idade média do leitor de jornais é de 55 anos — e a curva aponta para cima”.

“Quem vai tomando o lugar, como se sabe, é a Internet, que está a ponto de ultrapassar os jornais como fonte de informação política para os leitores americanos —coisa que já aconteceu entre os jovens e os politicamente engajados. Já em maio de 2004, os jornais ocupavam o último lugar entre as fontes de notícia preferidas pelos leitores mais jovens”.

“Segundo relatório ´Abandoning the News´ (Abandonando os Jornais), publicado pela Carnegie Corporation, 39% dos entrevistados com idade inferior a 35 anos acreditavam que, no futuro, usariam a Internet como fonte de informação. Apenas 8% disseram que recorreriam a um jornal”.

E vários outros dados e cenários são listados pelo autor, inclusive alguns que fazem justiça aos jornais — como o que lembra que, na blogosfera, grande parte do que se publica e se comenta nasceu (como este post!) em um impresso.

É verdade que o autor não diz que os jornais acabarão, e advoga a importância do veículo, mas a perspectiva que traça é bem mais sombria do que fez crer a capa do Mais!.

domingo, junho 08, 2008

Uma conversa sobre o 2º Chega

Foto: Wellington Cordeiro

Senhoras e senhores, só agora pude passar aqui com mais calma para conversar sobre o Chega de Palhaçada depois do 2º ato, ontem. Eis o que penso:

O Chega de Palhaçada é um impulso de comunicação que abriga diferentes níveis de indignação com a realidade política local. Não o vejo como um movimento que possa reunir em um documento um conjunto muito vasto de princípios, nem mesmo um programa para a cidade. Há muitas diferenças entre nós, e não acho isso ruim.

Mas acho que o Chega auxilia quando nos tira da inércia, e estimula que diferentes grupos e correntes de pensamento formulem e exponham suas visões sobre a realidade. Para usar um termo do mundo dos negócios, o vejo como uma incubadora de mudanças. Pode ser que nem todas no mesmo sentido, mas pelo menos com um traço de ruptura com o existente.

Por isso, não me abato quando muitos comemoram o fato de o 2º Chega ter tido um número menor de pessoas que o 1º, realizado em 26 de abril. Isso demonstra apenas que este espírito espontâneo do movimento ainda não foi bem compreendido por muita gente.

O fato de haver menos pessoas no 2º Chega não significa que há menos pessoas que concordem que Campos precisa mudar, se comparado ao período do primeiro Chega. Significa apenas que havia menos gente. Apenas isso. Um conjunto enorme de variáveis podem explicar a redução de pessoas no ato, e muitas delas bem mais prosaicas do que intrincadas interpretações políticas podem sugerir.

O contrário também é verdadeiro: poderíamos ter na praça 10 mil pessoas e elas não representarem, necessariamente, o sentimento da população de Campos em relação a um determinado tema.

Se, desde Sócrates, sabemos que uma idéia defendida pela maioria não é necessariamente uma boa regra, também devemos admitir que o contrário também é pertinente. Resumindo: não há relação confiável entre o acerto (ou o erro) de uma opção e o número de pessoas que a ela abraçaram. Resta apenas a democracia para que todos se manifestem, e interfiram nas decisões.

É só o direito de dizer o que pensa

Neste sentido, o 2º Chega cumpriu completamente o seu propósito. Reuniu pessoas que estavam a fim, na hora e no dia que podiam, para dizer o que pensavam. E só isso. Não ter possibilidade de mobilizar uma multidão não significa que você esteja condenado a ficar escondido em casa. Até o profeta Gentileza sabia disso, e deixou sua marca na cultura do Rio utilizando uma estratégia solitária de comunicação.

Pelo menos aqui do meu ponto de vista, o Chega não se propõe a mais que isso. Reunir pessoas, virtual ou fisicamente, tantas quantas estiverem disponíveis e dispostas, para dizer o que acham da situação política da cidade.

Foi muito bacana mesmo no sábado. Quem estava lá sabe do que estou falando. Pessoas bem-humoradas, livres das amarras locais, dispostas e enfrentar a temperatura do granito da Praça São Salvador para escrever um CHEGA com seus próprios corpos. Pra mim, valeu. E muito. Faria tudo novamente.

Se isso vai gerar outras iniciativas, outros movimentos, candidaturas, tanto melhor que elas venham para manter o espírito de mudança, mas sem termos a pretensão de acreditar que a tudo controlaremos e que em tudo colocaremos alguma espécie de selo de qualidade. A própria dinâmica social se incumbe de construir o que virá, e somos apenas uma pequeníssima fração disso.

Sobre outras manifestações, gostaria que ocorressem. Talvez retomando a idéia de percorrer bairros, promover debates. Mas isso, como sempre, dependerá dos que acreditarem que o Chega realmente é espontâneo e descentralizado, e nada mais acontecerá se alguém não tiver alguma idéia, colocá-la na rua, e nos envolver em sua proposta. De minha parte, continuo disponível para as boas iniciativas. Você tem alguma sugestão?

[hoje na 5ª Bienal do Livro de Campos]


Domingo, 8


Arena Cultural

10h Passaporte para a leitura (teatro infantil)
Grupo Nem te Conto
16:30 Cabeça de Vento (show infantil)
Bia Bedran
20h Rolando 50 (show e noite de autógrafos)
Rolando Boldrin (cantor, compositor e escritor)

Café Literário

18h América Latina: um continente em transformação (palestra)
Mário Augusto Jakobskind (jornalista e escritor)

Oficinas

10:30 Sala 1: Quem conta um conto aumenta um ponto - Angela Codeço (designer)
Sala 2: Folcloriando, a dança - Luana Dias (professora de dança)
14:30 Sala 1: Quem conta um conto aumenta um ponto - Angela Codeço (designer)
Sala 2: Folcloriando, a dança - Luana Dias (professora de dança)
16:30 Sala 1: Cânones Literários (poesia) - Rita Maia (Cefet-Campos)
Sala 2: O autor de si mesmo - Ednalda Almeida (Cefet-Campos)

sábado, junho 07, 2008

2º Chega de Palhaçada!

Blogueiros de Campos voltaram hoje às ruas para realizar o 2º "Chega de Palhaçada", no Centro. Com o mote "Fora Mocaiber, Fora Garotinho, Fora Arnaldo, Quero um outro caminho", o movimento reivindica dos partidos políticos a indicação de novos candidatos para as próximas eleições, sem vinculação com os grupos que dominam a política local há 20 anos. Confira:

Fotos: Wellington Cordeiro

Blogueiros em frente a Catedral, cartão postal de Campos



Blogueiro Sepé e seu cartaz, sempre presente


Caminhando pela Praça São Salvador, em direção ao Museu


Aucilene Freitas e Eugênio Soares



Manifestantes em frente ao museu de Campos, abandonado há vários anos



Deitados no chão, blogueiros escrevem CHEGA na Praça São Salvador

É HOJE!



Clique aqui para ler somente posts sobre o ato Chega de Palhaçada.

[hoje na 5ª Bienal do Livro de Campos]


Sábado, 7

Arena Cultural

10h A história da moça preguiçosa (teatro infantil)
Grupo Cenna In Vitro
14h Quintana, Quintanares (espetáculo lítero-musical)
Instrutores de Artes da Fund. Cultural Jornalista Oswaldo Lima
16h Cocoricó (show infantil)
Grupo Cocoricó (TV Rá-Tim-Bum)
19h Lançamento da Revista Vértices-10anos
Maria Amélia Ayd Corrêa (Cefet-Campos)

Café Literário

18h Fernando em Pessoa (sarau literário)
Husten Carvalho e Grupo Verso Circular

Oficinas

10:30 Sala 1: Instrumentos de sucata - Renato Arpoador (músico)
Sala 2: Historia com bonecos articulados - Ana Paula Lopes (animadora cultural)
14:30 Sala 1: O movimento concretista - Vera Pletitsch (Uenf)
Sala 2: Historia com bonecos articulados - Ana Paula Lopes (animadora cultural)
16:30 Sala 1: Cânones Literários (poesia) - Rita Maia (Cefet)
Sala 2: O autor de si mesmo - Ednalda Almeida (Cefet)

sexta-feira, junho 06, 2008

Que tal um CHEGA feito de gente?


Moçada, são necessárias apenas 44 pessoas para escrever com seus próprios corpos a palavra CHEGA, em frente à Catedral, no chão da Praça São Salvador, neste 2º Chega de Palhaçada. Esta imagem será forte o bastante para representar toda a revolta da população campista diante do cenário político em que vivemos. Quem se habilita?

Olhai por Campos!

Foto: Wellington Cordeiro

A noite de ontem teve rufar de tambores do jongo na 5ª Bienal do Livro de Campos. Nas versões genuínas, nos terreiros das fazendas, a cerimônia do jongo mantém uma fogueira acesa para que a fumaça chegue aos céus. Tomara que os espíritos ancestrais estejam ouvindo as nossas preces.

Site Bom: acesso ao descrédito

Com alguns anos de estrada já vi poucas e boas no ramo das comunicações. Muitas decepções, surpresas desagradáveis... Porém nada superou o que aconteceu com o SiteBom, um portal de notícias gerais que apresentava o diferencial de tratar cada município separadamente. Mesmo a sede instalada em Campos, rotulada como cidade onde "tudo dá errado antes até de começar", a tradicão da família Ventura, empreendedora do négocio através dos senhores Nivaldo Gomes Ventura Júnior e Celso Renato Bernardes Ventura (de terno, na foto, ao lado do programador Fred), me fez acreditar, ainda que por pouco tempo, se tratar de coisa séria. Duas pessoas com raízes fortes por estas bandas. E com um sobrenome de peso. Até então, pelo menos de meu conhecimento, sem arranhões. Muito pelo contrário. Ouvi rasgados elogios de gente importante quando revelei quem estava por trás da iniciativa. Questões internas foram e, provavelmente, continuarão sendo debatidas por algum tempo a portas fechadas. Como tem de ser. O desabono na conduta da direção da empresa, que se tornou público graças aos comentários de boca miúda, é uma quase inacreditável falta de compromisso com a palavra empenhada. Descrédito surge como melhor e mais brando termo para traduzir a situação instalada com funcionários, possíveis anunciantes, fornecedores e até vizinhos. O porquê, não sei informar. Pode ser que a psicologia explique. Ou a psiquiatria. Ou, talvez, seja um caso de mera irresponsabilidade, sem acréscimos patológicos. Meu maior estarrecimento se refere exatamente ao ferimento de um conceito familiar zelado durante décadas pela matriarca, a senhora Zildéa Ventura. Que, ressalva seja feita, não tem nenhuma ligação com os desagradáveis (para ser bem educado) fatos ocorridos. Dona Zildéa e sua filha, Liliane Ventura, também jornalista, não precisavam passar por esses dissabores. E nós, que trabalhamos no projeto, não merecíamos. Que sirva de lição. A todos.

Uma conversa sobre o Chega de Palhaçada

O ato Chega de Palhaçada não tem uma organização central. Ele é feito pela adesão espontânea das pessoas e será do jeito e do tamanho que estas quiserem. Os blogs apenas marcam data e horário, além de sugerir o tema e o visual. O restante é com cada manifestante, que deve levar faixas, organizar performances, sugerir dinâmicas de visibilidade para o protesto.

Trata-se basicamente de uma ação de comunicação que busca aglutinar um sentimento por mudança, sem necessariamente tentar enquadrá-lo em alguma forma de organização à moda antiga. Não há a pretensão de substituir partidos e outras formas de associação.

As origens

A idéia nasceu do silêncio de alternativas políticas que se fez em Campos, e no ambiente da falsa polarização que era alimentada por setores da imprensa local. A organização é herdeira das duas edições do Dia do Abandono, realizados nos dias 21 de janeiro e 21 de fevereiro deste ano, que reuniu a base do que veio a ser a Rede Blog (que todo dia 21 trata de um tema relacionado a Campos nos blogs).

Mesmo antes do 11 de março, portanto, estava em gestação nos blogs alguma tentativa de reivindicar uma alternativa para Campos, que não estivesse ligada a nenhum dos grupos políticos que dominam a cidade há pelo menos 20 anos.

Paralelamente surgia um movimento partidário pela terceira via, partindo de setores do PSDB e do PT, que poderiam — e talvez ainda possam — encarnar este desejo de mudança no cenário local.

Faça você mesmo

O Chega de Palhaçada se insere neste cenário como sendo um incentivador da mudança, e que pode, dependendo do interesse e da organização dos seus integrantes, promover outros desdobramentos mais orgânicos, como palestras, debates, atividades populares, tudo o que puder ser sugerido e viabilizado por quem fizer a sugestão. A idéia aqui é a de que cada um participe do seu modo, como quiser e como puder, sem as velhas cobranças da militância que, não raramente, identificava no companheiro ao lado um alvo mais frágil e mais fácil para derramar cobranças e frustrações. Há muita gente calejada em movimentos aqui para cair em uma armadilha como essa.

No que diz respeito especificamente ao urgente!, o papel até então desempenhado é o de procurar ser um ponto de encontro do desejo por mudança, mas sem subestimar a inteligência de ninguém com a pretensão de dirigir o movimento. Nós aqui sugerimos, aglutinamos, procuramos contribuir na tarefa de organizar, mas não somos e nem queremos ser donos de nada.

Um grito da sociedade

Neste sábado, que é Dia Nacional pela Liberdade de Imprensa, a segunda edição do ato busca ser um grito da sociedade em direção aos dirigentes partidários que, neste mês de junho, realizam convenções para a escolhas de candidatos à Prefeitura e à Câmara de Vereadores. É preciso que eles saibam que existe uma voz da cidadania que não está disposta a engolir qualquer oferta política apresentada.

Com o mote “Chega dos mesmos”, o Chega de Palhaçada clama pela renovação das candidaturas, e por um debate de qualidade de um projeto para Campos.

Gritar "Chega de Palhaçada" significa dizer que não aceitamos mais sermos mantidos reféns dos grupos que tomaram de assalto a cidade. Queremos algo novo, e queremos já!

Vamo que vamo!

[hoje na 5ª Bienal do Livro de Campos]


Sexta, 6

Arena Cultural

10h Circo-Lo Literário (apresentação circense)
Circo-Lo de Criação
10:30 Técnicas circenses (oficina)
Circo-Lo de Criação
14h Movimentos (apresentação de dança)
Alunos do Projeto Lara
18:30 Corpo “In” Verso (ginástica artística)
Projeto Estrela do Amanhã - CENSA

Café Literário

16h Campos, o modernista em Pessoa (palestra)
Aluysio Abreu Barbosa (jornalista e poeta)
18h Lançamento de livros
Editora Faculdade de Direito de Campos
Levi Quaresma (reitor da Uniflu)
20h Trajetória e universalidade poética de João Cabral de Melo Neto (palestra)
Jiddu Saldanha (poeta e artista plástico)
21h O cão sem plumas (teatro)
Jiddu Saldanha e Bruno Peixoto

Oficinas

10:30 Sala 1: Oficina de Arte - Kátia Lima Tinoco (SMEC)
Sala 2: Semeando o empreendedorismo do amanhã - Luciane Mina (psicóloga)
14:30 Sala 1: Oficina de Arte - Kátia Lima Tinoco (SMEC)
Sala 2: Aprendendo Libras - Reginaldo F. da Silva (SMEC)
16:30 Sala 1: Cânones Literários (poesia) - Rita Maia (Cefet-Campos)
Sala 2: Palavreando - Amélia Alves (poeta)

Panfletagem durante o Chega de Palhaçada



Seria bacana se cada um imprimisse em casa, ou fizesse umas xerox de panfletos sobre o ato... Fiz um pra mim.
- Clicar na imagem para vê-la ampliada. -

quinta-feira, junho 05, 2008

Revista Moviola

Tá na rede o "rolo 3" da Revista Moviola, revista on-line voltada para o cinema... Vale dar uma conferida aqui.

Terceira via em Macaé

Em Macaé, quem encarna o espírito de terceira via para as próximas eleições municipais é o médico Aluisio dos Santos Júnior, 41 anos, um neurocirurgião boa-pinta que pode fazer particular sucesso com o eleitorado feminino com seus olhos verdes, pele bronzeada e cabelos castanhos. Ele será o candidato pelo PV, que busca aliança com outros partidos interessados em fugir dos grupos de Silvio Lopes e Riverton Mussi.

Formado pela Faculdade de Medicina de Campos, Júnior é macaense e tem passagens na direção de instituições públicas de saúde no município. Em 2006, por indicação do deputado estadual Glauco Lopes, filho de Silvio Lopes, recebeu o Título de Benemérito do Estado do Rio de Janeiro.

Contagem regressiva...

É neste sábado, 7, às 10h, no Largo da Imprensa (Calçadão), e você ainda não providenciou o seu nariz de palhaço, a sua faixa e o seu apito? Francamente! Vamo que vamo!

Baixe o seu exemplar

Saiu nova edição da bacana revista Nossa Uenf, que pode ser lida aqui.

[hoje na 5ª Bienal do Livro de Campos]


Quinta, 5

Arena Cultural

10h Lixo no mangue (teatro de bonecos)
Grupo Marionete&Cia.
14h Lixo no mangue (teatro de bonecos)
Grupo Marionete&Cia.
20:45 Roda de Jongo
Grupos de jongueiros da região

Café Literário

16h Um encontro com Machado de Assis (palestra)
José Henrique da Silva (prof. de Língua Portuguesa)
18h Literatura na cultura popular (palestra)
Orávio de Campos Soares (mestre em Comunicação e Cultura)
20h Jongos do Brasil
Lançamento de livro

Oficinas

10:30 Sala 1: Bonecos de Sucata - Grupo Marionete & Cia.
Sala 2: Brinquedoteca - Lea Gonçalves Lobo (SMEC)
14:30 Sala 1: Bonecos de Sucata - Grupo Marionete & Cia.
Sala 2: Psimotricidade - Jorge dos S. Amaral (SMEC)
16:30 Sala 1: Cânones Literários - Deneval Filho (Gerente de Cultura de Campos)
Sala 2: Palavreando - Amélia Alves (poeta)

quarta-feira, junho 04, 2008

Imagens que revoltam

Foto: Mário Neto/Blog do Ricardo André

O blog do jornalista Ricardo André publicou hoje fotos do interior do seria o Museu de Campos, na praça São Salvador. O prédio, abandonado há anos, foi arrombado durante a madrugada e foi possível flagrar a sua situação. Veja mais fotos aqui.

Quarta de embalo no vinil

Hoje, 22h, tem embalos de sábado à noite no Dom Tutti, na Noite do Vinil. Mais informações aqui.

Menos, menos

Foto: Wellington Cordeiro

Televisão é um negócio demoníaco mesmo. Paulo Henrique Amorim é um grande jornalista. Polêmico, corajoso e arrojado. Mas daí a ser tratado como um pop star vai um certo exagero. Ontem à noite, na 5ª Bienal do Livro de Campos, o cara parecia até galã da novela das oito. Francamente!

A verdade de Minas

Clique aqui para assistir documentário de oito minutos, feito por um jornalista brasileiro em Londres, que denuncia que a imprensa brasileira faz uma blindagem para proteger o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, de críticas ao seu governo. Se não fosse a internet...

Entrevista excelente

O Blog Outros Campos fez uma excelente entrevista com o médico Adilson Sarmet, um dos líderes do Muda Campos e vice-prefeito no primeiro governo Garotinho. Sarmet avalia os 20 anos que se passaram desde então e afirma que o que restou foi o populismo, e não os propósitos iniciais daquele momento de ruptura com o conservadorismo local. Sobre o atual momento político, o médico considera uma hipótese que seria uma espécie de plano B para a terceira via: "Se Henriques for o candidato do PMDB, eu acho que o PT pode discutir uma aliança com ele".

Meirelles na Uenf

Hoje tem palestra do jornalista Domingos Meirelles, às 18h, no Anfiteatro 4, do Centro de Convenções da Uenf. O evento é parte das comemorações dos 15 anos da universidade.

Chega dos mesmos!

Bastante esclarecedora a entrevista do professor Roberto Moraes, hoje, na Folha da Manhã. Ficou clara a necessidade de que esta terceira via, primeira via, via alternativa, ou seja lá do que mais possa ser chamada, traga nomes novos para o cenário político local. Chega dos mesmos. Vamo que vamo!

[hoje na 5ª Bienal do Livro de Campos]


Quarta, 4

Arena Cultural

10h Ciranda de Poesias (apresentação)
Alunos da Escola Municipal Pequeno Jornaleiro
14h O livro encantado (teatro de bonecos)
Grupo Ferraioli de Teatro de Bonecos
18:30 Olhares Periféricos (Batalha de MC’s)
Vinny e Victor

Café Literário

16h Como publicar um livro (palestra)
Maria Amélia Ayd Corrêa (Cefet-Campos)
18h “Sua excelência, o candidato” e “Mulheres por mulheres” (esquetes teatrais)
Kátia Macabu (Cefet-Campos)
20h Quadrinho adulto como mídia literária (palestra)
Capitão Presença e Tarja Preta

Oficinas

10:30 Sala 1: Leitura e escrita em Braille - Jane Brito Murad (SMEC)
Sala 2: Criação e confecção de quadrinhos - Adriano Ferraioli (artista plástico)
14:30 Sala 1: Leitura e escrita em Braille - Jane Brito Murad (SMEC)
Sala 2: Criação e confecção de quadrinhos - Adriano Ferraioli (artista plástico)
16:30 Sala 1: Cânones Literários (conto) - Deneval Filho (Gerente de Cultura de Campos)
Sala 2: Atualização em Língua Portuguesa - Regina Tonelli (Gerente Adjunta de Cultura de Campos)

terça-feira, junho 03, 2008

Ajude a divulgar o 2º Chega de Palhaçada

A divulgação da convocação para o 2º Chega de Palhaçada é espontânea e feita principalmente pelos blogs. Se você concorda com a proposta da manifestação e pretende participar, ajude também a divulgar. Confira abaixo quem já publicou posts sobre a nova edição do movimento:

Carol Côrtes, Fábio Siqueira, Gustavo Rangel, Luiz Felipe Muniz, Outros Campos, Ricardo André Vasconcellos, Roberto Moraes, Vitor Longo Braz, Luiza Buchaul, Visão Social , A Trolha , Blog do Sepé, Cássio Peixoto, Universo Paralelo Jornalístico, Blog de Miracema.

Vamo que vamo!

[atualizado às 11h35 de 06/06/08]

Monitor registra chamada para o 2º Chega de Palhaçada

Reprodução
O Monitor Campista de hoje dá registro bacana da convocação da segunda edição do Chega de Palhaçada. Confira:

"Sem palhaçada

No próximo sábado, às 10h, tem nova edição do ato público “Chega de Palhaçada”, no Largo da Imprensa (Calçadão), em Campos. Mais uma vez os blogueiros da cidade chamam a comunidade para manifestação democrática e independente. No momento em que se aproximam as convenções partidárias, a cidadania quer passar o recado de que não quer mais os mesmos candidatos. Os principais alvos do protesto são o prefeito Alexandre Mocaiber, e os ex-prefeito Arnaldo Vianna e o ex-governador Anthony Garotinho. “Queremos outro caminho”, informa a organização do evento."


Vamo que vamo!

users online